COMO MANTER SEU CARRO SEGURO GASTANDO POUCO

   Manter seu carro seguro gastando pouco, no Brasil, é um grande desafio. Para além dos altos preços para a compra de um carro (seja ele novo ou usado), há todos os riscos relacionados. Em 2021, um total de 334.643 veículos foram furtados ou roubados no Brasil. Já em relação aos acidentes nas rodovias federais, foram 64.452 acidentes. Além disso, ao longo do ano passado, 31.468 pessoas morreram em decorrência do trânsito brasileiro (fonte: Confederação Nacional do Transporte – CNT).

   Por isso, seja devido à violência urbana, seja pelo medo de acontecer algum acidente, é comum os donos de veículos contratarem um seguro automóvel para terem mais segurança em relação ao seu bem e, até mesmo, a sinistros envolvendo terceiros. Porém, nos últimos anos, uma nova modalidade tem se tornado muito popular entre os proprietários de carros e motos: a proteção veicular. 

   Para conhecer mais sobre este tema, no post de hoje vamos conhecer mais sobre Proteção Veicular: como manter seu carro seguro gastando pouco. 

O QUE É PROTEÇÃO VEICULAR?

   A proteção veicular é oferecida por uma associação ou cooperativa, sem fins lucrativos, de pessoas que rateiam os custos dos possíveis eventos, tais como: panes mecânicas, roubos, colisões, dentre outros.

   É importante entender que a proteção veicular não é um seguro. Exatamente por isso, as mensalidades da proteção veicular são bem menores do que a contratação de um seguro automóvel. 

   Além disso, em relação à cobertura, a depender da proteção veicular, ela pode abranger: roubos, furtos, incêndios, fenômenos naturais, colisões, vidros, faróis e danos a terceiros.


COMO FUNCIONA A PROTEÇÃO VEICULAR?

   O Portal Uol explica que a proteção veicular é uma associação entre diversos proprietários de veículos, no qual o serviço funciona como um fundo de reserva que tem como base o pagamento mensal.

   Desta forma, ao assinar o contrato de proteção veicular, o proprietário do respectivo veículo se torna um membro daquela associação e faz parte do rateio para pagar o conserto dos veículos envolvidos em sinistros.

   É com a mensalidade paga por cada um dos associados que um fundo de reserva comum é criado para ser utilizado em casos de acidente, furto, roubo ou incêndio.


PROTEÇÃO VEICULAR: PRINCIPAIS VANTAGENS

   A proteção veicular apresenta diversas vantagens para o associado. As principais são: simplicidade de adesão e economia.

MAIS SIMPLICIDADE E MENOS BUROCRACIA

   Para ter uma proteção veicular, a associação ou a cooperativa, no geral, não vai fazer consulta aos órgãos de proteção ao crédito (SPC/SERASA). Assim, a burocracia é bem menor, sendo muito mais ágil essa adesão. 

   Os documentos necessários para adesão normalmente são simples, tais como:

          – CPF/RG; 
          – documento do veículo; 
          – comprovante de residência. 

   Além disso, também não é levado em consideração o número que pessoas que dirige o veículo e nem a idade do motorista. Basicamente, é levado em consideração o valor do veículo (de acordo com a tabela FIPE) que irá fazer parte da proteção veicular. 


ECONOMIA: MENSALIDADES QUE CABEM NO BOLSO

   De acordo com o Portal Yahoo de Notícias, motoristas que fizeram novas apólices ou renovaram os seus seguros de veículos no começo de 2022 tiveram uma surpresa bem desagradável: houve um grande aumento para a nova contratação. Entre março de 2021 e março deste ano, por exemplo, os seguros tiveram aumento de até 75% no preço pago pelo consumidor.

   Levando em consideração agosto de 2022 e agosto de 2021, as apólices de seguro aumentaram uma média de 43,63% (fonte: Portal Extra).

   Neste contexto, a proteção veicular acaba sendo uma modalidade muito mais econômica. Por quê? Porque o cálculo de preço de um seguro automóvel é diferente do cálculo de adesão para uma proteção veicular.

   De acordo com o CanalTech, as seguradoras calculam, no geral, o valor do prêmio (ou seja, o que o cliente paga anualmente para ter a cobertura do seguro automotivo), levando em consideração diversos fatores, que vão desde o perfil do motorista até a região em que ele mora.
   Já no caso da proteção veicular, como foi visto anteriormente, apenas as características do carro são avaliadas.


PROTEÇÃO VEICULAR NA COMIGO EM PARCERIA COM A MAXLINE

   Para saber mais sobre Proteção Veicular: como manter seu carro seguro gastando pouco, fale com a Maxline: temos quase 10 anos de experiência em segurança e gestão veicular. 

   Oferecemos soluções completas para as empresas e para os proprietários de automóveis, tais como: monitoramento, assistência veicular, proteção veicular, gestão de frota, terceirização de frota e muito mais. 

   Caso você queira saber mais sobre proteção veicular, entre em contato com nosso time especializado. 

LEIA MAIS

Acompanhe-nos nas redes socias

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

plugins premium WordPress

Esse site usa cookies para garantir que você tenha a melhor experiência. Confira mais sobre em Política de Privacidade.